quinta-feira, 24 de maio de 2012

"1º Post, minha história"






Olá meu nome é Alana Petry, tenho 21 anos. Há algum tempo eu tenho vontade de criar um blog, mas sempre deixava pra depois, pois bem, deixei a preguiça de lado e aqui estou, vamos ver no que vai dar.
O que vou relatar aqui foge um pouco do convencional porque devido a um grave acidente de trânsito em 29 de junho de 2006, causado por um motorista imprudente eu fiquei paraplégica aos 15 anos de idade, no auge da juventude.


 Logo que recebi a notícia, pensei: “nada é para sempre!” Passados cinco anos, continuo com o mesmo pensamento, entretanto, com um propósito maior, pois acredito que não podemos parar de viver. E, quando falo em viver, refiro-me a viver bem, viver FELIZ, sem sofrimentos. A vida é bela, as horas se passam e o tempo não para, por isso, a importância de aproveitar cada minuto da vida.
Passados três meses do acidente, voltei a estudar e tomei uma difícil decisão: desistir do magistério curso em que estava cursando o 2º ano, e terminar o ensino médio normal, para dar prioridade às necessidades que, na época, eram mais importantes. Foi uma experiência muito positiva, fiz novas amizades e recebi muito apoio de todos que estavam em minha volta.

Concluído o ensino médio, decidi fazer um curso de graduação. Fiz vestibular e passei, mas, devido às condições financeiras, não pude ingressar.  Não desisti! Passado um ano, voltei a prestar vestibular e, mesmo com dificuldades, comecei a fazer o curso de Publicidade e Propaganda na Universidade Feevale, a mesma instituição que há 1 ano eu trabalho. Esta foi e é uma experiência nova e de que estou gostando muito. No começo, achava quase impossível, mas com perseverança e com o apoio da minha família consegui mais essa conquista. Tenho muitos objetivos ainda a alcançar e que aos pouco estou conseguindo.

Tenho minha cadeira de rodas como companheira, pois é ela quem me ajuda a ter uma vida normal, é com ela que saio, estudo, trabalho, faço minhas tarefas em casa. É claro que encontro obstáculos, como qualquer outra pessoa, mas nada que não possa ser superado; luto pelos meus direitos e cobro da sociedade quando o assunto é acessibilidade. Aprendi a viver a cada momento e escolhi ser FELIZ, porque a vida não para e é uma só.
Então eu digo: “viva a cada momento como se fosse o último não deixe de fazer o que gosta por medo do que as pessoas vão pensar ou dizer. Seja você mesmo, viva intensamente e saiba que o preconceito esta na cabeça de cada um”.

30 comentários:

  1. Amiga, vim retribuir as visitas que faz ao meu blog e dizer que estou super feliz que finalmente tenha decidido contar as suas histórias por aqui, tenho certeza de que irá divertir a muitas pessoas assim como nos diverte sempre que começa a conversar.
    Beeijos

    ResponderExcluir
  2. Pode deixar, e obrigada pelo carinho Nicole! :D

    ResponderExcluir
  3. Opaaaa \o/ notícia boa chegando =)

    Adorei Alana... Vou estar sempre aqui conferindo.

    Beijo Charmoso :*

    Ótima quinta-feira meio cinza do RS!

    ResponderExcluir
  4. Oooi Alana minha querida!

    Sensacional o seu blog. Você é um exemplo à ser seguido. Me alegro de poder estar presente na sua vida como amigo. Obrigado pela bela mensagem!
    Que você conquiste todos os objetivos na sua vida!
    Um beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oxii Frooz, vc que é um querido e agradeço por tudo que já fez por mim :D beijo grande

      Excluir
  5. Oi Alana!! Adorei o blog!!! Sucesso pro teu blog e pra ti também... e ansiosa esperando novos post... Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Dai sucesso no teu blog tbm amiga!

      Excluir
  6. Adorei! Com certeza tu é um exemplo de superação e motivação pra todos nós! Parabéns pela coragem de expor tuas experiências para que a gente possa aprender com elas. Beijo, Gi.

    ResponderExcluir
  7. Muito bom o seu blog! Seria sua seguidora assídua! beijão
    Simone Blume

    ResponderExcluir
  8. Parabéns pela iniciativa, linda a sua mensagem, um exemplo para todos nós.

    Um beijoo. =)

    ResponderExcluir
  9. Perfeito! Continue postando, pois é isso que todo mundo precisa: lutar pelo que se quer. Não ficar choramingando ;)

    Parabéns pelo blog.

    ResponderExcluir
  10. Parabéns Alana!

    Acredito que tens muita coisa pra dizer. E quem sabe com exemplos teus, a nossa sociedade possa se conscientizar um pouco mais com relação à acessibilidade.

    Tá muito bom, já sou um seguidor do teu blog!

    Beijo do Will

    ResponderExcluir
  11. Amiga!
    Amei, muito bom te ver assim ;)
    és um grande exemplo de vida!!

    Beijão, Cacá

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Kacá :)
      Fico feliz, com seu carinho e apoio!
      Beijos

      Excluir
  12. Parabéns pela bela iniciativa!
    Sempre vejo você na Feevale, e nunca te vi sem um sorriso no rosto! Você é linda e um grande exemplo!
    Te admiro muito!
    Beijos e sucesso sempre!

    ResponderExcluir
  13. Alanaa queriiida, parabéns, és uma grande vencedora!
    Continue com essa força, e seja muuito feliiiz!
    Beijoooos Mariana da Costa. =)

    ResponderExcluir
  14. Lindaaaaaaaaa teu blog ta lindo e to adorando teus textos!
    Muitas saudades! Beijão
    Ps. me orgulho de ti!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Amandinha, que bom que estas gostando. Muita saudade também! Beijos

      Excluir
  15. Oi, Alana!
    Estive no salão da Ylga hoje à tarde e durante a conversa ela me falou de ti. Tenho um irmão cadeirante e que é um exemplo pra mim! Vou encaminhar teu site para todos os meus amigos! Aqui em Canela, criaram a associação dos deficientes e conseguiram aprovar a Lei de Acessibilidade na cidade! Quando tu vieres pra cá, vai perceber como é fácil um cadeirante se locomover por aqui!
    Um abraço e toda felicidade!
    Com carinho,
    Ana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana, obrigada por contribuir com o blog... Fico feliz que tenha gostado!! Sempre é bom saber os lugares que se preocupam com a acessibilidade. Beijos

      Excluir
  16. Oi querida Alana li sua história é temos algo em comum eu quando fiquei paraplégica tinha 17 perdemos nossa junventude mas ganhamos a vontade de viver, vc não colocou de onde é, eu sou de POA blogueira a um ano e tenho um blog q conto minhas histórias de vida se quiseres conhecer é caroldiversidadde.blogspot.com
    Adorei teu blog
    Carol

    ResponderExcluir
  17. Oi Carol,fico feliz que tenhas gostado do meu blog, também adorei o seu http://caroldiversidade.blogspot.com.br/

    Respondendo a sua pergunta, eu sou de Estância Velha... e concordo com você que a vontade de viver e ser feliz é o que nos move.
    Beijos

    ResponderExcluir